Carreira Comportamento Insights

Startup e os insights da sua dinâmica de inovação – Imersão 1 de 4

Como é trabalhar em uma startup

Já é senso comum que empreendedorismo só existe quando uma ideia entra em contato com pessoas. Mas pouco se fala sobre essa transformação. Sobre o momento exato em que os mundos se encontram.

Quando começamos a volar, o que a gente sabia era muito intuitivo: muitas pessoas estavam insatisfeitas no trabalho, enquanto milhares de oportunidades surgiam a todo o momento. A gente se perguntava se era possível misturar tudo e criar novas formas de trabalhar e contribuir com o mundo.

Conversamos com pessoas que amam o que fazem sobre seus hábitos e preferências, trocas e processos. Descobrimos que nem tudo são flores e que o que a gente vê na internet depende de um universo que desconhecemos. E se a volar fosse uma luz nesse vácuo? Um espaço para falar do trabalho como a gente não costuma enxergar? 

Experimentação profissional

Para isso, desenhamos um programa de experimentação profissional, com o intuito de promover o acesso a diferentes realidades para que cada um tire suas próprias conclusões e decida o que fazer a seguir com mais conhecimento sobre si e o mundo.

Selecionamos parceiros dos mais diferentes meios e vamos passar cinco dias de imersão vivenciando cada rotina junto à equipe, aprendendo e contribuindo.

Algumas premissas que acreditamos para essas imersões são:

  1. Há elementos padrões em diferentes realidades de trabalho.
  2. É possível conhecer uma rotina em 5 dias de imersão.
  3. Em 5 dias, podemos agregar valor às organizações com nossa experiência.
  4. Conseguimos absorver aspectos de cada trabalho nesse período.

Insights da semana 1: O interior de uma STARTUP

Entramos para imergir e absorver sobre o modelo de negócio, rotina, perfil de trabalho, formato, propósito e processos. E saímos com a certeza de que descobrimos muito mais do que buscamos entender. Foram inúmeros os insights e aprendizados, poderíamos escrever um livro apenas sobre essa semana! Escolhemos um insight por dia para dividir aqui e você pode encontrar muitos outros mais aqui.

DIA 1

Apresentação da empresa, desafios, almoço, rotação, aprofundamento.

INSIGHT 1: A coisa mais importante numa organização é a sua história. E a história é feita de pessoas. Nunca subestime a importância das pessoas.

Eles se apresentaram, contaram da empresa e de como tudo começou. Queríamos conhecer o time, saber sobre seus momentos de vida, o que os tinham levado até ali, como se identificavam ou não com diferentes aspectos da rotina (ou falta de) e do mercado de trabalho. É a intersecção entre o que eles fazem e o porquê que fazem isso que faz tudo ficar tão fascinante.

DIA 2

Dia de sombra

INSIGHT 2: Aprenda na prática. Ficar no planejamento e na teoria só faz com que leve mais tempo para descobrir que a suposição estava errada. Queira saber logo.

Fomos para a rua testar abordagens de comunicação com seus clientes e vimos na prática uma grande lição: Que a forma mais rápida de aprendizado é teste e adaptação. Ter um preparo antes de entrar em ação é importante, mas estar aberto para mudar o plano rapidamente, analisar os resultados e ajustar logo que possível, para então testar novamente, é a forma mais otimizada de incorporar um processo novo.

DIA 3

Vivência com parceiros/clientes.

INSIGHT 3: Ação e reação nem sempre têm forças proporcionais. Faça! Mesmo as menores atitudes podem oferecer um retorno incrível.

Ainda na fase da ideação, o fundador da empresa repostou uma informação no instagram, explicando na legenda o que estava criando. Essa informação foi vista por uma galera de uma incubadora em Lisboa, que se interessou e ofereceu uma vaga no programa de incubação. Foi por causa dessa foto que os co-fundadores se conheceram, que as operações iniciaram-se aqui e que a empresa deu os primeiros passos como negócio. Com certeza não era esse seu objetivo ao publicar a foto nas redes, mas o universo é assim mesmo.

DIA 4

Reflexões individuais, exploração, feedback.

INSIGHT 4: É necessário equilíbrio para que momentos intensos sejam construtivos. Inclua tempo de reflexão em tudo que for importante para você.

A quantidade de informação a que fomos expostos foi tanta que, se fez necessário abrir espaço para processar tudo isso e entender como seria a melhor forma de cada um contribuir para aquele contexto. A cada novo estímulo, parava-se para conversar, recalcular, absorver, processar e contribuir.

DIA 5

Exposição de insights, feedback mútuo, dinâmica, conversa e encerramento.

INSIGHT 5: Há um equilíbrio sutil entre planejamento e timing. Conheça apenas o suficiente para o próximo passo: esperar pode custar caro.

Não hesite em agir, nem espere muito para colocar em ação o que já tinha planejado. Saiba o próximo passo e coloque em ação. O caminho é construído ao longo do processo. Qualquer ideia que tenha sobre já saber como vai ser o caminho é ilusão.

Semana 2: Conheça mais sobre o universo de quem trabalha em ONG!

O que é certo é que a volar é diferente hoje do que era antes da Tuki. E nós somos diferentes do que éramos antes do Jordan, do Rafael e do Udai.

Abrir nossa ideia para opiniões de terceiros foi difícil: a vulnerabilidade assusta, mas a sensação de crescimento vicia: já estamos prontas para a próxima!

Quer conhecer a rotina de uma ONG? Acompanha os canais da @vo.lar essa semana para novos insights!

0 comments on “Startup e os insights da sua dinâmica de inovação – Imersão 1 de 4

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *